Dissertação Teoria da mente em pais de crianças com autismo: uma análise comparativa

admin

Aline Abreu e Andrade

Resumo: Teoria da mente se refere à capacidade de atribuir estados mentais para si mesmo e para os outros. Pessoas com autismo apresentam déficit significativo nesta habilidade. A presente dissertação teve como objetivo a investigação da teoria da mente em pais de pessoas com autismo. Inicialmente foi conduzida uma revisão sistemática da literatura sobre estudos de teoria da mente realizados com familiares de pessoas com transtornos do espectro autístico. Utilizou-se as bases de dados BVS Medline, Web of Science, Academic Search Premier e Psy Articles na busca dos artigos. Foram analisados nove artigos e os resultados indicaram inconclusibilidade dos dados sobre a existência de déficits de teoria da mente nestes familiares. Com base nas hipóteses levantadas na revisão da literatura, foi realizado um estudo comparativo com 90 participantes, sendo 30 pais de crianças com autismo, 30 pais de crianças com Síndrome de Down e 30 pais de crianças com desenvolvimento típico, com o objetivo de avaliar a habilidade de teoria da mente. Os grupos foram pareados em relação ao sexo e escolaridade. Os instrumentos utilizados foram o Eyes Test e o Unexpected Outcomes Task. Os resultados apontaram diferenças significativas entre os grupos na habilidade de dedução da teoria da mente, sugerindo a existência de déficit de teoria da mente mais especificamente em mães de crianças com autismo. Sugere-se a realização de novos estudos que deem continuidade às questões levantadas.

Link para a Dissertação: http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/handle/1843/BUOS-97HGVT